Santo Forte!

Era dia de folga, era dia de festa!

Um churrasco, muitos amigos queridos e uma piscina em um fim de semana muito quente.

Ele pulou. Distraído. Piscina rasa. Bateu a cabeça no fundo.

Deve ter ficado um pouco zonzo, dor na cabeça, dor no pescoço.

Um amigo avisou:

– Nossa, Gabi, tem sangue na sua cabeça! Melhor ir pro hospital…

E foram. Ele no banco do carona, uma amiga atrás dele segurando firme a cabeça, enquanto chacoalhavam pela estrada irregular.

No hospital viram o corte na cabeça, na tomografia viram a primeira vértebra cervical fraturada!

Medo. Pânico.  E o médico:

– Você nasceu de novo, viu? Feliz Ano Novo!

Porque contra todas as expectativas naquele tipo de fratura, não ficou tetraplégico, como o Super-Homem, o Marcelo Rubens Paiva, a Laís Souza. Ele saiu ileso!

Depois de muita reza – a família toda em um mutirão de fé, todos os santos acionados, as Nossa Senhoras todas juntas, os melhores médicos; ele ficou de castigo!

Por mais de três meses com um colete no pescoço, o tempo todo, o dia todo, a noite toda.

Punição terrível para um rapaz de uns trinta anos, muito legal, muito tranquilo e muito querido por tanta gente.

Todo mundo ajudou: – Força, Gabi!

A irmã dele, a Júlia, cuidou dele como se fosse o único. E é! 

Enfim acabou o castigo. Já pode sair sem o colete que lhe dava um ar de Darth Vader.

Fisioterapia, um colete mais macio, uma nova vida!

Sabemos  que tem gente lá no céu intercedendo a seu favor. 

De qualquer forma, resta dizer:

_  Ô, sorte!!!

2 comentários sobre “Santo Forte!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s