Desencantamento

Todos os  dias, de todas as semanas é tudo igual; tudo do mesmo, o arroz, feijão e brócolis, e uma infinidade de coisas para fazer e resolver, empilhadas sobre a cama de lençóis amarfanhados e sujos.

Já está muito cansado quando levanta,  e toma o café, e escova os dentes enquanto olha lá fora pela vidraça manchada de nódoas e a vida surda lá fora passando inexorável.

Obstinado, abre bem os olhos para acabar de despertar, passa as mãos sobre o rosto, limpando de sua aparência os sinais de luta da noite, de todas as noites, porque a insônia que ocupa seu momento de sonhar  não permite que descanse nem um pouco, e o despertar é só um continuar acordado do mesmo jeito, e deixar-se ir.

Se a medicação ajuda a dormir, também é responsável pela dureza do dia, sempre tão claro, claríssimo, e a falta de atenção no trânsito; e a falta da fome – a premência de quem quer viver e quer continuar.

É um problema sem solução imediata, então atravessa os dias a dormir pelos cantos, trêmulo, arrasado, e sem perspectiva.

Sabe que vai se recuperar  depois de uns meses, lentos meses de outono, uma noite depois da outra, vigiando o amanhecer e o movimento da lua pelo céu, quando existe a lua.

Crescente, cheia, minguante, nova. Crescente, cheia, minguante, nova. Crescente, cheia, minguante, nova. Crescente, cheia, minguante, nova…

E quando, finalmente, não há mais a necessidade premente de vigiar o amanhecer, porque  o mundo continuará em sua toada de boiadeiro infinitamente, e independente dele; quando pode enfim virar-se de lado e desistir de presentir o fim dos tempos, relaxa, e depois de uns xingamentos, dorme e sonha com a água cristalina em movimento.

Está salvo! Mais uma vez.

3 comentários sobre “Desencantamento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s