O trânsito

Para aquela hora do dia, o trânsito estava um inferno. Cada vez que o sinal abria, dois ou três carros passavam. Impaciente e dramática, logo pensei em um acidente, um engavetamento, no mínimo, um motoqueiro caído?  Meu Deus, uma blitz? Um assalto? Mais uma vítima do BRT?  E viajei, enquanto esperava minha vez. Quando entrei na avenida havia apenas uma pista das duas habituais. A pista da esquerda fechada; onde foi o acidente? Quando finalmente compreendi, tive uma esperança na humanidade. Estavam plantando árvores!

2 comentários sobre “O trânsito

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s